Quinta, 04 Outubro 2018 11:52

A garantia do bem-estar na suinocultura traz ganhos de produtividade. É o que revelou uma pesquisa feita pela Embrapa Suínos e Aves.

Avalie este item
(0 votos)

O estudo apontou que as perdas causadas pela falta ou inexistência de boas práticas na suinocultura chegam a 0,15% dos animais levados aos frigoríficos.

 

O percentual parece baixo, mas significa muito quando se pensa que o Brasil ocupa o 4º lugar no ranking mundial de suinocultura – são R$ 30 milhões de perdas anuais. No ano passado, o país produziu 3,76 milhões de toneladas de carne suína. É uma cadeia produtiva bem significativa por aqui e que pode impedir diversas perdas através do bem-estar animal.

 

Leia mais

 

Fonte: certifiedhumanebrasil