Segunda, 20 Janeiro 2020 18:40

Desempenho do ovo, na granja, na 3ª semana de 2020

Avalie este item
(0 votos)
 
 
A terceira semana foi de forte recuperação para os produtores de ovos brancos e vermelhos que obtiveram reajustes nos negócios realizados durante toda a semana. Mesmo assim, ainda não conseguiram recuperar totalmente as perdas das primeiras duas semanas.
 

O preço médio diário da caixa de ovos brancos ao produtor subiu de R$53,00 para R$55,00 no primeiro dia de negócios e encerrou a semana em R$65,00, obtendo valorização de 18% no decorrer da semana. Com isso, o preço médio semanal da caixa de ovos brancos na granja, interior de São Paulo, atingiu R$60,17, equivalendo a aumento de 16,5% na semana. Na comparação com o valor recebido na mesma semana do ano passado o índice foi 34,7% positivo.

 

Por ora, já quase encerrando o segundo decêndio de janeiro o preço médio do período alcança R$56,53 e aponta perda de 27,5% sobre o recebido em dezembro último. Em relação a janeiro do ano passado houve valorização de 35,7%, significando ganho anual de quase R$14,90 por caixa. Mas esse índice positivo tem pouco significado diante de um preço médio passado que acarretou grandes prejuízos aos produtores. Aliás, considerando o valor atual de aquisição do milho, o preço médio recebido pelo avicultor também não cobre o custo de produção.

 

A semana atual (semana 04, 19 a 25 de janeiro) traz duas preocupações pelo lado dos compradores: a primeira, o período do mês onde as condições de comercialização vão se deteriorando; a segunda, a resposta dos consumidores diante da necessidade de repasse dos últimos aumentos. Do lado dos produtores de ovos, a semana deve abrir com disponibilidades ainda ajustadas. Assim, a ação dos compradores no decorrer da semana deve dar o tom dos negócios em relação aos preços de referência.

 

Fonte: AviSite